Bloco Associe-se

Associe-se ao Idec

Aviso aos associados

 

COMUNICADO AOS NOSSOS ASSOCIADOS SOBRE MUTIRÕES NO CEJUSC

Informamos que a partir de 22/10, para agilizar a adesão dos nossos associados ao acordo do Plano Verão, o Idec, participará de mutirão no Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (CEJUSC), em São Paulo (SP).

A convocação para o mutirão está sendo realizada pelos bancos por meio de carta. Se você, associado(a), já compareceu ao Idec e assinou o Protocolo de Adesão relativo à ação proposta pelo Idec, não precisará comparecer ao evento no CEJUSC, pois nessa situação, o Idec já está em tratativa com o seu banco.

Informamos que o agendamento pelo site e por telefone permanecem ativos, tanto para aqueles que já estão agendados (o atendimento ocorrerá normalmente de acordo com a data e horário previamente combinados com a nossa área de Relacionamento), quanto para futuros agendamentos.

Atenção: Se você participa também de ação individual, com advogado particular, recomendamos atenção ao receber o contato do banco, pois a convocação poderá se referir a ação do Idec ou a ação individual. Nesse último caso, será necessário contactar o seu advogado particular.

 
 
Os associados do Idec que participam dos processos do Plano Verão podem agendar previamente o atendimento para a sua habilitação. Vale lembrar que a adesão segue o cronograma oficial do acordo, sendo assim, fique atento às datas (saiba mais na aba Perguntas e Respostas). 
 
Se a sua vez já chegou, acesse aqui a agenda eletrônica desenvolvida pelo Instituto.
 
O Idec fará a inserção dos dados necessários na plataforma unificada somente com autorização expressa do associado.

Lembramos que a adesão ao acordo poderá ser feita dentro do prazo de dois anos da homologação pelo STF, ou seja, a contar de 12 de março de 2018.

 

Entenda como será o atendimento no Idec e o cronograma de adesões:

  • O atendimento para adesão será realizado mediante prévio agendamento por meio da agenda eletrônica disponível neste especial.
  • As adesões seguirão um cronograma por lotes, conforme o ano de nascimento do poupador, definido no próprio acordo. Saiba mais na aba Perguntas e Respostas
  • Os herdeiros e inventariantes de poupador falecido serão atendidos no 10º lote, e quem entrou com execução de ação civil pública em 2016, independentemente da idade, no 11º lote de adesões. Para saber o cronograma completo, identificar o seu lote e mais informações sobre o acordo acesse a aba Perguntas e Respostas.
  • Durante o atendimento presencial, informaremos o valor calculado, prazos e forma de recebimento. Se houver a concordância com a adesão, o poupador deverá trazer: uma cópia autenticada do RG (ou da carteira de habilitação com foto) e do CPF do associado(a), os documentos originais, e a procuração com reconhecimento de firma.
  • Caso não possa comparecer no atendimento presencial, em razão da idade, mobilidade reduzida ou problema de saúde, entre em contato com a área de Relacionamento com Associado do Idec para informações sobre o procedimento.
  • Para associados de outras cidades, estados, países ou que estejam fora do Brasil durante o período de adesão, o Idec entrará em contato, em momento oportuno, para especificar os procedimentos necessários, a fim de viabilizar a sua adesão com segurança.

 

Atenção! Antes de agendar seu atendimento no Idec confira o lote correspondente a sua idade. Contamos com sua colaboração e compreensão, pois desde a assinatura do acordo houve expressivo aumento de nossa demanda de atendimento.

 

CUIDADO COM GOLPES!

O Idec informa que não entra em contato por telefone para adesão ao acordo, tampouco liga para não associados. Desconfie de ofertas relacionadas ao pagamento de indenizações dos planos econômicos.

Caso seja associado, entre em contato com o Instituto e tire todas as suas dúvidas sobre o acordo. Se não for associado e tiver processos relativos às perdas das poupanças na Justiça, procure seu advogado.

Escritórios e falsos advogados usam indevidamente o nome do Instituto para captar clientes. Sendo assim, não faça nenhum pagamento antecipado. Pedidos nesse sentido são clara tentativa de golpe.

A liberação da indenização pelos bancos não estará atrelada a qualquer tipo de pagamento pelo poupador/herdeiro. Não há necessidade de contratar intermediários, despachantes ou facilitadores.

Não forneça nenhum dado a desconhecidos, seja pessoalmente, por telefone ou meios eletrônicos. Entre em contato apenas com a entidade por meio da qual tenha ingressado com ação coletiva ou com o advogado que tenha contratado para ingressar com a ação individual ou execução de sentença coletiva.