Bloco Associe-se

Associe-se ao Idec

Mês do Consumidor

Mês do Consumidor

Para marcar o Mês do Consumidor, selecionamos três histórias de pessoas que correram atrás dos seus direitos e conseguiram se defender de abusos cometidos por empresas.

A cada 10 dias, vamos apresentar casos inspiradores e dicas certeiras sobre o que fazer diante dos principais problemas apontados pelo ranking de reclamações de associados do Idec em 2018.

Apresentaremos histórias que evidenciam aquelas situações nas quais o consumidor sabe que tem algo de errado com o serviço, mas esbarra em dificuldades burocráticas, como a pouca compreensão sobre as regras do setor, falta de acesso a contratos firmados e equipes de relacionamento bem treinadas para evitar questionamentos ou cancelamentos.

Sim, as empresas são mais fortes. E os consumidores já estão cansados de perder tempo e dinheiro lidando com problemas, sem alcançar o padrão de qualidade, segurança e valor justo que esperam. Resultado: na maioria das vezes o consumidor acaba ficando no prejuízo.

Mas nossos associados te encorajam a não deixar barato! Aprenda com eles sobre como se posicionar frente às empresas e usar o poder público a seu favor. Siga nossas dicas com base no Código de Defesa do Consumidor sobre como proceder para garantir os seus direitos.

 

APRENDA COM QUEM EXIGIU E CONSEGUIU

Se identifica com algum dos problemas abaixo? Entenda se você também é vítima, siga o passo a passo e reaja!

REAJUSTES DE PLANO DE SAÚDE

Jorgina Monteiro questionou o reajuste exorbitante imposto pela operadora, conseguindo barrar o aumento de 150% das mensalidades e o estorno dos valores pagos indevidamente.
VEJA MAIS

REAJUSTES DE PLANO DE SAÚDE

Marcelo Coutinho conseguiu negociar uma dívida de R$ 45 mil com o banco e limpar seu nome, após ser assediado por empresas terceirizadas e ter um valor debitado indevidamente de sua conta
VEJA MAIS

REAJUSTES DE PLANO DE SAÚDE

Aguarde para conhecer a terceira história.

 

RANKING DE RECLAMAÇÕES IDEC

 
 
 
 
 
Confira mais informações sobre as reclamações dos consumidores aqui.

#MesDoConsumidor

Acompanhe também nossas outras ações do Mês do Consumidor em nossas redes sociais: