Bloco Associe-se

Associe-se ao Idec

O consumidor na era da pontuação de crédito

Livro traz série de artigos com especialistas e pesquisadores sobre os temas de pontuação de crédito e cadastro positivo

Compartilhar

separador

Atualizado: 

06/01/2023

O livro "O consumidor na era da pontuação de crédito" organizado pelo Idec e com participação de diversas pessoas autoras, especialistas, pesquisadoras sobre o tema está disponível para download de forma gratuita.

“É imperioso que se reconheça que o score de crédito é um projeto de modelo econômico que, além de colocar a população negra à margem das principais decisões financeiras (individuais e coletivas) na sociedade capitalista herdada, também estimula a perpetuação da pobreza a partir do reforço de estereótipos estruturais enviesados como a generalização na análise de risco da oferta de produtos e serviços.” Bianca Kremer

Depois do lançamento no dia 15 de setembro de 2022, em que a obra estava disponível para compra pelo site da Editora Letramento, agora ele já está liberado com a licença Creative Commons para ser baixado e lido de graça.

“[O] consumidor deve ter o direito de saber não apenas sua pontuação de crédito, mas de compreender como ela foi efetivamente construída e para o que foi utilizada. Justamente por poderem exercer tamanho impacto na esfera individual, é necessário que esses sistemas sejam cercados por garantias de transparência que possibilitem algum nível de controle e escrutínio público sobre como funcionam e intermedeiama alocação de bens e direitos.” Renato Leite e Sinuhe Cruz.

O livro organizado pela pesquisadora e advogada do Idec, Juliana Oms, trata de diferentes assuntos que envolvem o tema da pontuação de crédito: discriminação de raça e gênero, desafios para o consumidor conhecer e entender como funciona, responsabilidades dos birôs e empresas de crédito, além de artigos específicos sobre direito das pessoas consumidoras.

Em poucos anos, o debate sobre os limites da perfilização e do uso de “dados alternativos” no âmbito dos sistemas de pontuação de risco de crédito (credit scoring) certamente chegará às Cortes. Provavelmente haverá casos que avaliarão se uma FinTech poderia utilizar informações sobre o que é publicado em redes sociais para avaliar as qualidades de uma pessoa enquanto “boa pagadora”. Provavelmente haverá casos que avaliarão se a informação sobre o tipo de celular de uma pessoa importa para análise automatizada de seu score.” Rafael Zanatta.

PARA BAIXAR O LIVRO COMPLETO E DE GRAÇA, É SÓ CLICAR AQUI!

“Construir sistemas de alocação de crédito que não se utilizem das injustiças e disparidades sociais para funcionar e, ainda mais, que ativamente sejam uma força para o desenvolvimento e a superação de injustiças históricas é uma possibilidade a ser explorada para enfrentar as várias crises do nosso tempo”. Ramon Vilarino