Bloco Associe-se

Associe-se ao Idec

Alimentação Saudável

#29bc00
Alimentação
Lutamos por seu direito de saber o que come e por políticas que permitam escolher alimentos melhores para a saúde e o meio ambiente.

Adotar hábitos alimentares mais saudáveis e sustentáveis é muito importante, mas não depende só de você. Faltam leis que obriguem os fabricantes a deixar as informações dos rótulos mais claras, facilitando a sua escolha por alimentos mais saudáveis na hora da compra. 

Dentre outros temas, defendemos: informação nutricional mais clara e simples no rótulo dos produtos; regras para a publicidade de alimentos, principalmente para crianças; ampliação do acesso a alimentos orgânicos; e restrição do uso de agrotóxicos.

PARTE I
#29bc00
Alimentação
Lutamos por seu direito de saber o que come e por políticas que permitam escolher alimentos melhores para a saúde e o meio ambiente.

Adotar hábitos alimentares mais saudáveis e sustentáveis é muito importante, mas não depende só de você. Faltam leis que obriguem os fabricantes a deixar as informações dos rótulos mais claras, facilitando a sua escolha por alimentos mais saudáveis na hora da compra. 

Dentre outros temas, defendemos: informação nutricional mais clara e simples no rótulo dos produtos; regras para a publicidade de alimentos, principalmente para crianças; ampliação do acesso a alimentos orgânicos; e restrição do uso de agrotóxicos.

PARTE II

Aula Parte I: Esta vídeoaula sobre alimentação saudável tem como foco os 10 Passos para uma Alimentação Saudável, recomendados no Guia Alimentar para a População Brasileira, do Ministério da Saúde. A primeira parte da vídeo-aula aborda a classificação dos alimentos segundo seu grau de processamento (in natura, minimamente processados, processados e ultraprocessados), além dos 5 primeiros passos do Guia Alimentar:

1) Fazer de alimentos in natura ou minimamente processados a base da alimentação;

2) Utilizar óleos, gorduras, sal e açúcar em pequenas quantidades ao temperar e cozinhar alimentos e criar preparações culinárias;

3) Limitar o consumo de alimentos processados;

4) Evitar o consumo de alimentos ultraprocesaados;

5) Comer com regularidade e atenção, em ambientes apropriados e, sempre que possível, com companhia.

 

Aula Parte II: A segunda parte da vídeo-aula aborda os 5 passos restantes do Guia Alimentar

6) Fazer compras em locais que ofertem variedades de alimentos in natura ou minimamente processados;

7) Desenvolver, exercitar e partilhar habilidades culinárias;

8) Planejar o uso do tempo para dar à alimentação o espaço que ela merece;

9) Dar preferência, quando fora de casa, a locais que servem refeições feitas na hora;

10) Ser crítico quanto a informações, orientações e mensagens sobre alimentação veiculadas em propagandas comerciais.