Bloco Associe-se

Associe-se ao Idec

Empresa para produção de vídeo de campanha institucional

TERMO DE REFERÊNCIA 

O Idec é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, totalmente independente de governos, partidos políticos e empresas privadas. Nossa missão é promover a educação, a conscientização, a defesa dos direitos do consumidor e a ética nas relações de consumo. Nossa meta-missão é contribuir para que todos tenham acesso aos serviços essenciais para o desenvolvimento social, consumo sustentável, saúde do planeta e a consolidação da democracia na sociedade brasileira

Idec – Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor, entidade privada sem fins lucrativos, torna público, para o conhecimento dos/as interessados/as, que realizará a contratação de empresa para produção de vídeo de campanha institucional.

Objetivo desta contratação: 

Contratação de empresa para produção de vídeo de campanha institucional, para a área de Serviços Financeiros do Idec

  1. Sensibilização do público sobre problemas enfrentados pelos consumidores.
  2. Mostrar as lacunas regulatórias existentes no processos de concessão e renegociação das dívidas.
  3. Abordar a atuação das instituições financeiras no acolhimento para renegociação de dívidas.
  4. Educar e conscientizar os consumidores sobre os riscos na utilização do crédito e na renegociação de dívidas.

Detalhamento

Vídeo média-metragem (cerca de 20 minutos).

Concept note/argumento disponível e personagem principal selecionado.

Roteiro a ser realizado.

Objetivo: divulgação em seminários, via redes sociais e eventos sobre educação financeira.

Sugestão de formato: Média-metragem focado em um personagem real e nas principais práticas das instituições financeiras no Brasil em relação ao superendividamento. Relatos de outros personagens, que já sofreram ou sofrem com o superendividamento, podem ser considerados.

Exemplos: Documentário português “Muitos Dias Tem o Mês (90min - https://goo.gl/4pPCGf) sobre o superendividamento de Portugal. Documentário “Freenet” (94min - https://goo.gl/tqAHi4).

Sugestão de proposta: produção e edição de média-metragem para a campanha de superendividamento. O média-metragem será focado em um personagem que vive na na cidade de São Paulo e sua tentativa de negociar suas dívidas. O documentário poderá conter entrevistas com o personagem; seus familiares e pessoas próximas; especialistas no tema; e funcionários de instituições financeiras. O filme precisa criar um alerta para a questão do superendividamento crônico e demonstrar como os principais bancos renegociam as dívidas de seus consumidores.

Prazo de entrega: fevereiro de 2018. 

Atividades principais

  • Criação e aprimoramento do roteiro.
  • Criação de um cronograma que contenha desde a etapas iniciais de roteiro até a entrega final.
  • Correção e possíveis alterações de roteiro após revisão do Idec.
  • Produção, edição e direção do vídeo.
  • Produção de teaser de 1 minuto, a ser utilizado nas redes sociais.
  • Realização de entrevistas com os personagens do média-metragem.
  • Envio de primeira edição do vídeo para revisão.
  • Execução de correções apontadas na revisão.
  • Envio de provas revisadas e corrigidas para conferência.
  • Fechamento de arquivos em alta qualidade para divulgação em redes sociais e em seminários.

Início das atividades

Imediata, após a assinatura do contrato.

Vínculo de trabalho

Contrato de prestação de serviço.

Forma de pagamento

O pagamento será realizado pelo Idec em duas parcelas: 50% na assinatura de contrato e 50% mediante comprovação de realização das atividades descritas em contrato.

Processo de seleção

Os interessados deverão encaminhar proposta para julia.ferreira@idec.org.br até o dia 07/12 com assunto: Desenvolvimento de conteúdo – Serviços Financeiros.

Só serão consideradas as propostas que:

  • Informarem o nome da empresa, CNPJ, endereço completo, responsável pela proposta, e-mail e telefone de contato;
  • demonstrarem experiência compatível com as atividades a serem realizadas;
  • encaminharem portifólio atualizado;
  • enviarem o orçamento para a realização do trabalho.

Serão desclassificadas as propostas que:

  • Tiverem emendas, rasuras ou entrelinhas;
  • não atenderem às exigências contidas neste termo de referência;
  • apresentarem preços inexequíveis;
  • oferecerem vantagens dúbias ou rasuradas, ou ainda que contrariem em todo ou em parte o presente termo de referência.

O Idec será responsável pela triagem das melhores propostas.

São Paulo, 29 de novembro de 2017

IDEC – INSTITUTO BRASILEIRO DE DEFESA DO CONSUMIDOR